A rotina de operadores de call center é desgastante, repetitiva e, geralmente executada em uma mesma posição por longos períodos. Mesmo com os repousos e pausas obrigatórias, os operadores sofrem com doenças ocupacionais causadas pela pouca atenção à ergonomia. Além do cuidado com a integridade e a saúde dos colaboradores, se preocupar com a ergonomia no call center também é uma estratégia de negócios, pois se os funcionários não estiverem confortáveis ou forem afastados por motivos de saúde, a produtividade do setor será afetada negativamente.

Para assegurar a rentabilidade do call center é fundamental oferecer ao trabalhador um ambiente organizacional confortável que favoreça a produtividade e garanta a sua saúde e segurança. A ergonomia se tornou tão importante nas empresas que existem normas reguladoras que estabelecem regras a serem cumpridas pelos empregadores, no setor de telemarketing e teleatendimento nas modalidades ativo ou receptivo, a NR17 trata de uma série de medidas ligadas a mobiliário, equipamentos eletrônicos, ambiente corporativo e jornada de trabalho, que devem ser seguidas à risca. Confira alguns dos pontos que merecem atenção:

Ambiente apropriado
Iluminação correta para evitar problemas de visualização de informações seja em monitores ou documentos físicos; estação de trabalho espaçosa, afim de evitar problemas com ruídos do ambiente durante as ligações; uso de ar-condicionado para manutenção da temperatura ambiente; além da manutenção dos equipamentos, principalmente aqueles de uso diário como o headset, evitando possíveis problemas respiratórios.

Poltronas confortáveis
É comum que os operadores de call center passem todo o período de trabalho sentados, assim a qualidade das cadeiras que utilizam é essencial para garantir o conforto dos mesmos. Espuma de boa densidade, revestimento suave, bordas arredondadas, encosto e assentos ajustáveis, base com rodízios e outros ajustes asseguram o posicionamento adequado dos colaboradores nas cadeiras e uma jornada de trabalho confortável.

Headsets de boa qualidade
Em um ambiente com diversos colaboradores é comum que o nível de ruído seja alto e para compensar, os operadores costumam aumentar o volume do headset, o que causa prejuízos a audição. O indicado é que seja utilizado equipamentos com cancelamento de ruído, que o volume seja calibrado dentro dos padrões e que a cada duas horas o fone de ouvido seja trocado de lado.

Ginástica laboral
Realizar alguns movimentos durante a jornada de trabalho ajuda a aliviar a tensão e evitar possíveis lesões dos colaboradores. Para orientar os operadores, geralmente, as empresas contratam profissionais de educação física que os ensinam como realizar os exercícios como esticar os braços para cima e para os lados, esticar as mãos para baixo e para cima e girar os punhos.

Pausas regulares
As paradas regulares estão previstas em lei e são fundamentais para que o operador tenha alguns momentos de descanso para se recompor física e psicologicamente. Em uma jornada de 8 horas, o operador deve usufruir de dois períodos de 10 minutos contínuos fora do posto de trabalho, sendo a primeira pausa depois de 1 hora do início do expediente e a segunda, antes dos 60 minutos finais da jornada. Importante lembrar que esse tempo não pode ser abatido do intervalo obrigatório de repouso e alimentação.

Outra dica dos especialistas é que haja pausas também após ligações desgastantes, basta apenas o colaborador reportar aos colegas, superiores ou profissionais de saúde ocupacional o que aconteceu, a fim de aliviar o estresse.

De acordo com a Top Use , empresa especializada em headsets, além dos aspectos obrigatórios e previstos em leis, dar a correta importância para a ergonomia no call center tem outros benefícios relacionados à gestão de pessoas, custos operacionais e qualidade do atendimento como a valorização do profissional, diminuição do absenteísmo, turnover e aumento da produtividade da equipe. "A empresa tem seu papel de valorização da ergonomia no call center assim como os operadores, que devem aderir utilizar as ferramentas de ajustes e ter consciência sobre sua postura corporal", explica.

Outras notícias

Bom ambiente de trabalho favorece para melhores resultados

Uma solução para evitar os atestados falsosComo manter o bom desempenho dos funcionários?