5 motivos para melhorar o desempenho profissional

Diferentemente do QI, a Inteligência Emocional pode ser desenvolvida durante a vida toda. Serve como base para organizar emoções e pensamentos com o objetivo de aperfeiçoar decisões.

O administrador que faz bom uso da inteligência é capaz de contagiar o ambiente de trabalho e influenciar nos resultados financeiros da organização, segundo Carlos Aldan, CEO do Grupo Kronberg - empresa especialista em liderança e profissionais da linha de frente, assessment e coaching.

Para ilustrar a ideia, Aldan destaca cinco motivos para melhorar o desempenho profissional:

  • Destaque no mercado - Funcionários e líderes que permitem oportunidades de escolhas e mudanças de comportamento aprendem a gerenciar suas emoções e o estresse. Dessa maneira, conseguem manter o foco nas prioridades, otimizando os resultados.
  • Bom relacionamento com os colegas de trabalho - Por saber administrar as emoções, o profissional adquire a capacidade de driblar o contágio negativo, tanto os próprios, quanto dos outros, criando assim um ambiente harmonioso e suscetível a melhores lucros.
  • Sucesso - Estudos comprovam que as pessoas mais bem-sucedidas dentro de uma definição ampla de sucesso (não somente na esfera profissional, mas também física, espiritual, realização, conquistas e legados), detêm índices mais desenvolvidos de Inteligência Emocional. Os líderes que produzem resultados de 25 a 30% superiores à média, também têm em comum índices avançados de Inteligência emocional.
  • Sem datas de validade - Inteligência emocional, independentemente do esforço consciente para aprimorá-la, para a maioria das pessoas, melhora com o resultado das experiências de vida. É possível aprimorar conscientemente todos os componentes da Inteligência Emocional independente da faixa etária.
  • Autoconfiança - Exercitar a Inteligência Emocional também prepara o indivíduo para enfrentar com mais resiliência as inevitáveis adversidades, retrocessos e perdas na vida. A identificação, o constante aprimoramento e a aplicação de competências, forças de caráter, valores e compromissos nos permite aumentar a motivação intrínseca. Quanto maior a motivação intrínseca, maior nossa autoconfiança.

Leia mais

Liderança é comunicação, conexão e confiança

Bom humor pode ajudar a conquistar o consumidor

Como usar as redes sociais profissionalmente?

Tags: carreira, rh , dicas, inteligência emocional