Para agilizar o envio das reclamações de consumo para os fornecedores solucionarem os problemas, a PROTESTE Associação de Consumidores criou um espaço próprio no site: www.proteste.org.br/reclame. Há possibilidade de envio da queixa diretamente à empresa no espaço oferecido e, inclusive, há opção de deixar o relato visível.

Aos cerca de 280 mil associados da PROTESTE, é oferecida a possibilidade de mediação caso o envio do relato não seja suficiente para resolver a pendência, ou caso a empresa não se manifeste. Aos demais, é dada orientação.

No formulário disponível para reclamar, o consumidor deve digitar o nome da empresa. Se ela já constar no banco de dados, aparecerá automaticamente. Se for uma empresa nova, o consumidor poderá cadastrá-la.

Ao preencher seus dados e os detalhes da reclamação, o consumidor pode optar por manter privado o relato do caso. Na página onde estão expostas as reclamações públicas, é possível detalhar os casos por assuntos e acompanhar as manifestações das empresas. As reclamações são separadas pelos assuntos: água e energia; bens de consumo; educação; lazer; saúde; telecomunicações e serviços postais; transportes e serviços.

Com esta facilidade, o consumidor não tem porque deixar de reclamar quando seus direitos forem desrespeitados. E para o fornecedor é uma oportunidade de resolver a pendência rapidamente e aperfeiçoar o atendimento ao consumidor.

Ou as empresas aperfeiçoam seus canais de atendimento para solucionar internamente suas falhas com produtos e serviços, ou cada vez terão que investir mais em canais para dar conta das pendências.

Leia mais

As empresas deveria investir em sites de avaliações

Falhas no atendimento preocupam neste final de ano

Como transformar um cliente insatisfeito em aliado da marca