Em setembro, o Grupo Vikstar iniciou a ampliação em 500 novas vagas no seu quadro de funcionários da unidade de Teresina e passará a atuar até o final do ano com cerca de 3.500 colaboradores.

Um dos maiores empregadores da capital do Piauí, a Vikstar opera atualmente com aproximadamente 3.000 funcionários em três turnos diários de trabalho. No início de setembro, a empresa selecionou mais 500 operadores para ampliar sua operação na unidade de Teresina. Os novos colaboradores já estão em treinamento e devem começar a trabalhar até início de outubro em processos de retenção de clientes.

A Vikstar iniciou suas atividades em Teresina em 2013 após ter realizado um estudo detalhado envolvendo 300 cidades brasileiras, que reuniam disponibilidade de mão de obra com ensino superior e boa infraestrutura de telecomunicações, condições essenciais para viabilizar a construção de uma nova unidade de atendimento. Nos primeiros anos, a central de atendimento de Teresina chegou a funcionar com quase 6 mil operadores para atender clientes das áreas de telecomunicações, de serviços públicos e do setor financeiro.

No entanto, a crise econômica obrigou alguns clientes da Vikstar a diminuir suas operações. Esse cenário crítico obrigou a empresa a reduzir seu quadro de pessoal e acabou por demitir cerca de 2000 pessoas no início de 2019, gerando um alto custo de desmobilização. Recentemente, a Vikstar firmou acordo com a Justiça do Trabalho (TRT da 22ª Região) e com o Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações (Sinttel-PI) a fim de quitar pendências trabalhistas. "A nossa prioridade é liquidar as pendências trabalhistas o mais rápido possível e avançar no processo de reestruturação, para uma nova etapa", acrescenta o presidente da Vikstar, Mário Câmara.

O executivo afirma que a companhia passa por uma reestruturação de seus negócios, com foco no equilíbrio de caixa e em novos investimentos em tecnologia, para agregar ao portfólio serviços digitais e eficiência em processos. Os resultados desses esforços já são aparentes e, em breve, deverão ser anunciados novos clientes que serão atendidos pela central de atendimento de Teresina.

"A unidade de Teresina é estratégica para a nossa operação. Somos um dos maiores empregadores da região e temos uma longa parceria com a cidade da qual nos orgulhamos", afirma Mário Câmara. "Vamos voltar a crescer no Piauí", diz o presidente da Vikstar.

Fundada em 2006, A Vikstar é uma das oito maiores empresas nos segmentos de Contact Center e Soluções Digitais do Brasil, com foco em gestão de clientes e processos de negócios por canais de voz e não-voz. Conta com sete unidades nas cidades de São Paulo (SP), Teresina (PI), Londrina (PR) e Votuporanga (SP) e emprega cerca de 8 mil colaboradores.

Acesso por ônibus
Desde o último dia 16 de setembro, a Prefeitura de Teresina restabeleceu a linha de ônibus que faz o trajeto entre o Terminal Parque Piauí e a unidade da empresa no Distrito Industrial. Recentemente, a direção da empresa enviou uma carta ao prefeito de Teresina, Firmino Filho, pedindo que considerasse a situação dos colaboradores e retomasse o serviço cancelado no início de setembro.

Outras ações
A Vikstar também vem implementando uma série de melhorias na gestão. Entre as já implantadas estão a reorganização das escalas para a liberação do banco de horas, o escalonamento das folgas, a flexibilização de férias em até três períodos por ano, a reformulação dos critérios de promoção para supervisores, o aumento da tolerância no tempo no início da jornada, a retomada das campanhas motivacionais e o fomento ao acionamento da ouvidoria interna.

Pode te interessar

AeC e 99 iniciam nova parceria para atendimento a usuários e motoristas

AlmavivA do Brasil inaugura central de monitoramento de serviços em tempo real

Hi Platform anuncia aquisição da SamChat